Professores do curso de formação de peritos criminais estão há 15 meses sem receber honorários

Após 15 meses do término das aulas, os professores ainda não receberam do Governo do Estado da Bahia o pagamento das horas-aula referentes ao curso de formação do Departamento de Polícia Técnica (DPT). “A situação já se torna inacreditável. Caso essa situação persista, será necessário acionar a Justiça para garantir o que deveria ser um direito mínimo do trabalhador: receber pelos serviços prestados”, afirma o presidente do Sindicato dos Peritos Criminais do Estado da Bahia (ASBAC Sindicato), Leonardo Fernandes”. De um total de 80 professores no curso de formação das Polícias Civil e Técnica, 39 são peritos criminais. O curso de formação foi entre setembro e dezembro de 2015, com uma média de 130 alunos, sendo realizado no próprio DPT.

Recording Studio_edited.jpg

Ouça os nossos
Podcasts!

Em nosso perfil no Spotify você vai encontrar diversos relatos e estudos de caso que vão te entreter e te surpreender.

Seja um dos nossos, filie-se!

  • Instagram ícone social
  • Facebook ícone social
  • Twitter ícone social
  • YouTube ícone social